Heloísa von Ah
Heloísa von Ah
20 jun, 2017 - 00:05
recusar uma oferta de emprego

Como recusar uma oferta de emprego e deixar a porta aberta

Heloísa von Ah

Ser educado, profissional e ainda deixar as portas abertas para oportunidades futuras. Veja como recusar uma oferta de emprego e somar pontos.

O artigo continua após o anúncio

As vezes boas oportunidades aparecem em momentos errados. O mesmo acontece quando aquela vaga que você aplicou há algum tempo te retorna positivamente, mas não é bem aquilo que imaginava. E agora? Como recusar uma oferta de emprego educadamente, e manter assim as portas abertas para uma oportunidade futura?

Como alguém que está atrás de um novo emprego, é frustrante nunca receber um feedback sobre as entrevista que realizou, mesmo se a resposta for um “não foi dessa vez”. Bem, recrutadores também sentem-se frustrados quando essa falta de retorno vem dos próprios candidatos.

O que não fazer diante de uma oferta de emprego?

Naturalmente, você não aplica para uma vaga de emprego para a qual não está interessado, certo? Mas depois da entrevista, podem haver muitos tópicos pelos quais você poderá ponderar e descobrir que essa talvez não seja a melhor opção para você no momento. Por exemplo:

  • O salário é menor do que esperava: você sabe o quanto precisa para se manter, e não pode aceitar nada inferior a isso. Veja também nosso artigo sobre quando é hora de aceitar um emprego com salário mais baixo;
  • Você já recebeu uma proposta melhor: alguma outra empresa foi mais rápida, e você não vê a necessidade de aguardar novas oportunidades;
  • O trabalho não comporta suas habilidades: você saberá dizer o que te deixa confortável e aceitar um emprego fora da sua zona de conforto pode te colocar de volta na categoria de desempregado;
  • Você conheceu seu superior e não gostou dele(a): as pessoas geralmente não se demitem de empresas, mas sim de maus chefes que tornam difícil o relacionamento com eles;
  • Você acha que não se encaixa na cultura da empresa: se sentir sempre como o patinho feio não irá contribuir para a sua produtividade, e você agradecerá por ter recusado um emprego que não dança conforme suas experiências e opiniões.

Vale a pena mudar para grandes capitais em busca de emprego?

Em suma, se você chegar a uma dessas conclusões, é melhor retirar a sua candidatura. Mas se você já manifestou seu interesse antes mesmo de ponderar por estes pontos, é hora de aprender como recusar uma oferta de emprego adequadamente por três motivos básicos:

  • É a coisa mais respeitável a se fazer;
  • Vai te fazer parecer mais sensível e cortês, o que irá ajuda-lo caso deseje reaplicar sua candidatura nesta empresa no futuro;
  • Permitirá à empresa seguir em frente no processo de seleção antes que seus próximos candidatos potenciais aceitem propostas de outros lugares.

Como recusar uma oferta de emprego?

Agora que você já sabe quais os motivos que podem leva-lo a agradecer pela oportunidade e procurar por outra vaga, é importante ter cuidado em como recusar uma oferta de emprego. Redigir um e-mail polido e sincero, ou mesmo dar a resposta por telefone é uma etapa que deve ser cumprida com alguns requisitos se quiser deixar as portas abertas para uma próxima oportunidade.

Caso esteja escrevendo um e-mail com sua rejeição, por exemplo, identifique a notificação à pessoa que lhe fez a proposta, algo como: Caro/Prezado Sr. Carlos Silva, ou Caro/Prezado Sr. Silva.

O artigo continua após o anúncio

O segundo passo está finalmente relacionado ao conteúdo da sua justificativa. Quando os recrutadores encontram em você uma combinação perfeita do que procuram, pode ser desanimador quando o potencial candidato não está sentindo o mesmo.

Qual a sua maior qualidade? Como você responderia essa pergunta?

Portanto, em vez de escrever apenas uma linha de um genérico “eu não posso aceitar o emprego no momento”, tente algo mais sincero e gratificante. Como por exemplo:

Caro Sr./Sra. (nome do recrutador),

Agradeço que tenha tomado seu tempo para entrar em contato sobre o cargo de (nome do cargo). Entretanto, neste momento não posso aceitar a oportunidade a mim oferecida. Essa não foi uma decisão tomada sem mérito ou avaliação cuidadosa sobre o assunto, uma vez que possuo grande apreço pela (nome da empresa).

Atenciosamente,

(Seu nome).

Em adição, você pode ainda incluir um motivo realmente plausível sobre a sua recusa. Isso vale para situações onde o salário não é suficiente para o que necessita, por exemplo.

O artigo continua após o anúncio

Neste caso, é possível acrescentar no e-mail que você recusa a oportunidade, mas que está interessado em ser informado sobre outras vagas que possam surgir na empresa e que estejam mais adequadas às suas necessidades.

Entretanto, é importante frisar que essa possibilidade cabem somente em casos onde o candidato já expôs ao recrutador durante a entrevista determinada razão pela qual não aceitaria o trabalho (como um salário de no mínimo x).

Se você propõe seus requisitos de remuneração, horários e funções, bem como outros estipulações na entrevista, seu recrutador entenderá melhor por que você não está aceitando a oferta.