Programa do Imposto de Renda: como baixar e usar passo a passo

O Programa do Imposto de Renda fica mais fácil a cada ano. Saiba tudo sobre ele e não se enrole na hora de acertar as contas com o leão.

programa do imposto de renda da Receita Federal para fazer e emitir a declaração de 2018 é simples e fácil de usar. Confira o passo a passo.

Atualização

Se você já possui o programa gerador do ano passado instalado não precisa fazer um novo download, pois será possível atualizá-lo automaticamente. Para isso, basta clicar em “Menu”, “Ferramentas” e “Verificar atualizações”.

Além disso, o programa do Imposto de Renda 2017 traz outra facilidade: não é mais necessário baixar o programa Receitanet separadamente, pois ele foi incorporado ao programa gerador deste ano.

Como retificar a declaração do imposto de renda

Passo a passo

O programa pode ser baixado em qualquer computador e software – Windows, Mac, Linux, iOS e Android – e a Receita Federal ainda disponibiliza o arquivo zip que pode ser salvo em um pendrive e descompactado, independente do sistema operacional usado.

Ao clicar no link zip, basta descompactar os arquivos da pasta. Em seguida, execute apenas o arquivo txt. para abrir o programa de preenchimento de declaração do IR 2017. É importante saber também que o programa necessita da máquina virtual Java para funcionar.

Depois de baixar o programa, preencha o formulário passo a passo para não correr o risco de cair na malha fina. A grande vantagem do Programa do Imposto de Renda deste ano é que ele observa os limites legais das deduções e apura automaticamente o imposto a pagar ou a restituir. Ele também informa ao contribuinte a opção de declaração, completa ou simplificada, que lhe é mais favorável.

Caso você perca o prazo e envie sua contribuição após a data limite terá que pagar multa mínima de R$ 165,74. Esse valor incide a partir do primeiro dia útil após o término do prazo de envio da declaração até a entrega efetiva da declaração.

A cada dia, a Receita cobra juros equivalentes ao percentual de 1% ao mês, até um limite de 20% sobre o total do imposto devido em 2017.

Retificações

Se você entregou sua declaração dentro do prazo e constatou algum erro, omissão ou inexatidões, pode entregar uma declaração retificadora a qualquer momento para fazer as correções sem pagar qualquer multa por atraso. Porém, a data da declaração retificadora se sobrepõe à data da declaração original.

E, lembre-se, se você precisar pagar algum imposto, pode quitá-lo de três formas:

  • Transferência bancária nos bancos autorizados pela Receita;
  • Eemissão do DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) e pagamento em qualquer agência bancária
  • Débito automático em conta corrente.

Não tenha medo de acertar as contas com o leão! A cada ano o Programa do Imposto de Renda fica mais simples e prático. Basta prestar atenção e colocar em prática todas as dicas dadas por nós. Não esconda nada, seja transparente em sua declaração e evite dor de cabeça futura.

O que fazer se cair na malha fina do imposto de renda 2018

Quem deve declarar IRPF 2018 

Segundo a Receita Federal, devem declarar o IRPF 2018:

  • Pessoas físicas residentes no Brasil que receberam valor acima de R$ 28.559,70 em 2017;
  • Pessoas físicas residentes no Brasil que receberam valor acima de R$ 40 mil em 2017 em rendimentos não-tributáveis, isentos ou tributados exclusivamente na fonte, como aluguéis e venda de produtos;
  • Pessoas físicas que realizaram ações na Bolsa de Valores ou que tenham comprado capitais estrangeiros em 2017;
  • Pessoas físicas com posse ou propriedade de bens ou direitos (inclusive terra nua) de valor superior a R$ 300 mil.
  • Pessoas físicas que obtiveram ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto;
  • Pessoas físicas que optaram pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais;
  • Pessoas físicas que obtiveram receita bruta superior a R$ 142.798,50 exercendo atividade rural em 2017;
  • Estrangeiros que se mudaram para o Brasil no último ano.

Na Web

você pode gostar também