Julio Benck
Julio Benck
19 dez, 2017 - 09:54
carros mais economicos do Brasil

Os carros mais econômicos do Brasil em 2017

Julio Benck

Conheça os carros mais econômicos do Brasil no ranking geral divulgado pelo Inmetro, que acaba de revisar o seu Programa de Etiquetagem Veicular.

O artigo continua após o anúncio

Os carros mais econômicos do Brasil de 2017 são conhecidos pelo PBE. O Inmetro atualiza mensalmente o seu Programa de Etiquetagem Veicular, do qual participam as principais montadoras e importadoras de veículos do país.

No geral, mais de 90% dos veículos vendidos no Brasil foram analisados e, já a partir deste mês, terão o selo de eficiência que classifica o consumo e a emissão de poluentes. Essa porcentagem equivale a 35 marcas e 1129 modelos, divididos em 14 categorias.

A orientação do programa Inovar Auto, que determina as políticas para consumo racional de energia em veículos brasileiros, é de que 100% das montadoras façam parte do Programa de Etiquetagem Veicular do Inmetro.

Os carros mais econômicos do Brasil, segundo o Inmetro

Confira o ranking dos carros mais econômicos do Brasil em 2017, com os respectivos consumos em quilômetros por litro a etanol e gasolina na cidade e na estrada. Saiba também a nota atribuída, no geral e para o segmento do veículo, sendo A a melhor e E a pior em termos de consumo de energia. Os números são de novembro de 2017.

1. Toyota Prius 1.8 (híbrido)

  • Com gasolina: 18,9 km/l na cidade e 17 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

2. Peugeot 208 1.2 (três-cilindros)

  • Com etanol: 10,4 km/l na cidade e 11,0 km/l na estrada.
  • Com gasolina: 14,8 km/l na cidade e 15,8 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

3. Renault Kwid

  • Com etanol: 10,3 km/l na cidade e 10,8 km/l na estrada.
  • Com gasolina: 14,9 km/l na cidade e 15,6 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

4. Ford Fusion Hybrid (híbrido)

  • Com gasolina: 16,8 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

5. Citroen C3

  • Com etanol: 10,2 km/l na cidade e 10,8 km/l na estrada.
  • Com gasolina: 14,3 km/l na cidade e 15,6 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

6. Volkswagen up! 1.0 TSI (três-cilindros turbo)

  • Com etanol: 10,0 km/l na cidade e 11,5 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 14,3 km/l na cidade e 16,3 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

7. Fiat Mobi

  • Com etanol: 9,8 km/l na cidade e 11,1 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 14,0 km/l na cidade e 15,9 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

8. Volvo XC90 2.0

  • Com gasolina: 16,4 km/l na cidade e 18,9 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

9. Chevrolet Prisma

  • Com etanol: 8,8 km/l na cidade e 10,7 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 12,9 km/l na cidade e 15,4 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

10. Range Rover Evoque​

  • Com gasolina: 11,9 km/l na cidade e 15,8 km/l na estrada.
  • Notas: C no geral e A para o segmento.

11. Ford Ka Motor 1.0 TiVCT​

  • Com etanol: 9,2 km/l na cidade e 10,8 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 13,5 km/l na cidade e 15,7 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

12. Ford Ka​

  • Com etanol: 9,3 km/l na cidade e 10,7 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 13,2 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

13. Volkswagen Voyage

  • Com etanol: 8,9 km/l na cidade e 10,7 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 13,1 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

14. Nissan New March

  • Com etanol: 8,8 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 12,9 km/l na cidade e 15,0 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

15. Chevrolet Onix

  • Com etanol: 8,8 km/l na cidade e 10,5 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 12,9 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

16. Audi A1​ 1.4 Attraction

  • Com gasolina: 12,6 km/l na cidade e 15,2 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

17. Ford Fiesta​ (Motor 1.0 EcoBoost gasolina)

  • Com gasolina: 12,2 km/l na cidade e 15,3 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

18. Fiat Uno​

  • Com etanol: 9,2 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 13,1 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

19. Hyundai HB20S

  • Com etanol: 8,5 km/l na cidade e 9,8 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 12,0 km/l na cidade e 14,0 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

20. Chevrolet Cobalt​

  • Com etanol: 8,5 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada;
  • Com gasolina: 12,5 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada.
  • Notas: A no geral e para o segmento.

E dos 1.0?

Entre os carros 1.0, econômicos por natureza, O Renautl Kwid destaca-se por ser um dos modelos compactos com maior eficiência, seja rodando na cidade ou na estrada, mesmo com pouco tempo no mercado brasileiro.

Outro 1.0 que chama a atenção é o Fiat Mobi, finalmente fazendo jus a sua fama de carro econômico ao figurar com destaque no ranking do Inmetro.

Selo de eficiência

A avaliação de eficiência é feita nas seguintes categorias:

  • Microcompacto;
  • Subcompacto;
  • Compacto;
  • Médio;
  • Grande;
  • Esportivo;
  • Utilitário esportivo compacto;
  • Utilitário esportivo grande;
  • Extragrande;
  • Comercial leve;
  • Minivan;
  • Fora de estrada grande;
  • Picape;
  • Carga derivado de veículo de passageiro.

De acordo com o Inmetro, atualmente apenas os Estados Unidos e o Brasil fazem a etiquetagem simultânea para eficiência energética e emissão de gases poluentes.

O artigo continua após o anúncio

Trata-se de um importante indicador, utilizado como referência inclusive para orientar ações do programa Inovar Auto, do governo federal.

A manutenção do selo no carro é obrigatória, e o consumidor pode entrar em contato com o Inmetro se a informação não estiver disponível no veículo.

As classificações sobre eficiência energética e nível de emissão de gases dos carros mais econômicos do Brasil também podem ser consultados no site do Inmetro e em um aplicativo chamado “Etiquetagem Veicular”, disponível para smartphones de sistemas Android e iOS. As etiquetas presentes nos veículos incluem um código eletrônico (QR code) para o download da plataforma.