Melhores carros da Renault de todos os tempos

Os melhores carros da Renault são verdadeiros ícones da indústria automotiva, caracterizados pela ousadia, arrojo e inovação nas suas respectivas épocas

A história da Renault encontra poucos paralelos. Fundada em 1899 por Louis Renault, foi estatizada depois da sua morte, em 1944. A estatização, contudo, não impediu que os melhores carros da Renault tivessem sido fabricados neste período.

Hoje, a Renault é uma empresa privada, com apenas 15,7% do seu capital pertencente ao governo francês. Alguns modelos são memoráveis e chegaram a brilhar inclusive nas pistas de automobilismo, como o Alpine A110. Outros tornaram-se verdadeiros queridinhos dos moradores das grandes metrópoles, caso do célebre Renault Clio.

Conheça agora outros modelos da montadora francesa, que se tornou 100% nacional em 1998, quando inaugurou sua planta em São José dos Pinhais, em São Paulo.

Os 3 carros da Renault com melhor custo-benefício

Renault Alpine A610

A memória automotiva deve reservar um espaço de destaque para o Alpine A610. Como não lembrar com saudosismo daquele que é considerado o último esportivo genuinamente francês?

Sua trajetória foi curta, mas intensa. Produzido entre 1986 e 1995, conseguiu o feito de superar, na velocidade final, até o temível Porsche Carrera. Tudo graças ao seu motor V6 turbo 3.0, que alcançava velocidade máxima de 265 km/h. O conjunto rendia invejáveis 250 cv, com torque de 31,6 kgf.m a 4.800 RPM.

Um carrão desses, com jeito de Super Máquina, o célebre seriado estrelado por David Hasselhoff, só podia ser completo. O Alpine era equipado com ar condicionado, alarme, direção hidráulica e freios ABS.

Renault Captur

Tudo bem, o Renault Captur ainda tem uma longa estrada a percorrer, já que começou a ser produzido apenas em 2013. Mesmo assim, porque não colocar o SUV mais vendido da Europa entre os melhores carros da Renault de todos os tempos?

O feito é digno de registro, afinal, a categoria de esportivos utilitários é uma das poucas que registra crescimento em nível mundial. Considerando que no exigente mercado europeu há concorrentes pesados, como o Nissan Qashqai e o VW Tiguan, estar entre os mais vendidos é um feito e tanto.

Não custa lembrar que o Captur é, na verdade, um crossover. Carros desta categoria são fabricados a partir de uma plataforma de carros de passeio compacto ou médio de 2 volumes.

Renault Torino

O Torino da Renault foi fabricado a partir de uma joint-venture com a IKA, a Industrias Kaiser Argentina. Para início de conversa, a versão platino/francesa teve desenho concebido por nada menos que o estúdio de design de carros Pininfarina.

O carro que deu origem ao Torino, fabricado pela IKA, foi lançado em 1966. Após a aquisição da fábrica argentina, a produção passaria a ser da Renault, que relançou o modelo em 1978.

Claro que o Torino tinha muitos méritos em termos de performance. Seu motor de 215 cv de potência deu ao sedã de três volumes o título de carro mais rápido do continente sul-americano em sua época, com a marca de 205 km/h na velocidade final.

Os 5 melhores carros até 50 mil reais

Renault Clio V6

O Clio merece, sem dúvida, um lugar de destaque na lista dos melhores carros da Renault da história. Isso porque o Clio foi lançado com uma tremenda responsabilidade, a de substituir o campeão de vendas Renault 5.

Já a versão V6, um capítulo à parte, foi caracterizada como uma grande ousadia automotiva. Lançado em 1998, no salão de Paris, era para ser um carro conceito, ou seja, não tinha destinação comercial.

A ideia era, na verdade, fazer do Clio uma categoria de carros automobilísticos, para disputar corridas. Tudo obra de Tom Walkinshaw, o dono da TWR, a Tom Walkinshaw Racing. Não deu certo, mas a Renault encampou o modelo para ser o top de linha do Clio, lançando a versão em 2001.

Mégane R.S. Trophy 275

Resgatando a tradição esportiva da Renault, o Mégane Trophy 275 foi uma série limitada lançada em 2014 que deixou saudades. A característica mais notável do esportivo foi a sua tração dianteira, o que lhe conferia potência e torque que o tornaram recordista para carros com este tipo de tracionamento.

Tudo graças aos 7 minutos e 54 segundos em que percorreu o circuito de Nurburgring, na Alemanha. O Trophy 275 nunca foi vendido no Brasil, e teve suas vendas restritas a um seleto grupo de apenas 20 países, o suficiente para torná-lo um dos melhores carros da Renault de todos os tempos.

Continuar a ler

Na Web

você pode gostar também

Comentários

Loading...