É possível fazer empréstimo com nome sujo?

Com o CPF negativado nos órgãos como o SPC e Serasa, obter crédito pode ser ainda mais difícil. Mas, é possível conseguir empréstimo com nome sujo?

Quem busca um empréstimo com nome sujo sabe que esse é um dos maiores obstáculos que o endividamento nessa condição representa. Estar com o CPF em órgãos como o SPC ou Serasa pode trazer problemas que vão muito além da possibilidade de crédito, mas comprometer chances de contratação em novos empregos e, inclusive, na candidatura de determinados concursos, os quais exigem que o candidato esteja em dia com seus débitos financeiros.

Fatores como esses criam uma situação onde se torna ainda mais difícil para o cidadão reunir recursos para saldar sua dívida e, nesse momento, ter um recurso que possibilite um empréstimo com nome sujo pode ser a saída para regularizar a situação.

Como fazer empréstimo para pagar dividas e limpar o nome

Opções de empréstimo com nome sujo

Existem diversas fontes as quais se pode recorrer para um empréstimo com nome sujo. Cada uma delas tem suas peculiaridades e devem ser avaliadas pelo endividado. É importante saber que bancos, lojas e qualquer estabelecimento comercial costumam negativar o cliente através do cadastro de seu CPF em instituições como o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Serasa. Esses órgãos, diante de um cadastro negativo em seu sistema, geralmente enviam cartas ao titular da dívida, o que muitas vezes pode demorar, abstendo o consumidor de tomar a ciência de uma dívida que poderia nem saber que foi gerada. Por isso, para evitar surpresas, convém checar através de sistemas online como o SPCNet a situação de seu cadastro ao surgir a mínima suspeita.

Bancos e Empréstimos Regulares

Poucos se lembram disso, mas ter o nome negativado não necessariamente impede o cidadão de ter crédito liberado pelo banco em uma modalidade regular de empréstimo, mesmo que a restrição dificulte o processo. Há bancos que podem liberar valores mesmo que haja alguma pendência ao CPF do cliente, outros podem limitar o acesso a valores menores; porém, diante de situações mais graves, as instituições podem bloquear esse acesso aos empréstimos.

De todo modo, os bancos podem ainda ser uma opção para quem deseja fazer empréstimo com nome sujo, principalmente se o cliente já mantiver um bom relacionamento – em tempo e movimentações – com a instituição.

Como saber se o nome está no SPC

Empréstimo Consignado

Essa modalidade se aplica àqueles que possuem alguma fonte de renda fixa, como servidores públicos, pensionistas e aposentados. Nesse caso, o desconto das parcelas referente à quitação do empréstimo será feito diretamente no contracheque do cliente. Graças à isso, mesmo se tratando de um empréstimo com nome sujo, apresenta segurança para a instituição financeira, o que não só facilita a liberação dos valores requisitados como implica ainda em juros normalmente menores que os praticados em empréstimos regulares.

Essa pode ser uma ótima opção para os que se encaixam no perfil necessário; uma dívida deixada em alguma loja, comércio ou mesmo em um cartão de crédito, muito provavelmente apresentará uma taxa de juros maior que a do empréstimo consignado, livrando ainda o consumidor de estar com o nome sujo.

Como funciona um empréstimo consignado

Hoje em dia alguns bancos como Itaú, Bradesco, Santander e Caixa Econômica Federal já oferecem essa modalidade de empréstimo, mas muitos ainda preferem buscar empresas especializadas em crédito direcionado especialmente ao perfil consignado, como é o caso da Crefisa e a Agiplan.

Continuar a ler

Na Web

você pode gostar também

Comentários

Loading...