Julio Benck
Julio Benck
22 set, 2017 - 21:34
dirigir carros automáticos

Vícios ao dirigir carros automáticos que estragam o veículo

Julio Benck

Muitos dos vícios dirigir carros automáticos podem ser herdados de velhos hábitos ao conduzir veículos com câmbio manual e pedal de embreagem.

Dirigir carros automáticos nem sempre é tão simples. Quando estão habituados ao câmbio manual, alguns motoristas enfrentam dificuldades até se familiarizarem com a ausência do pedal de embreagem. Se é esse seu caso, fizemos este artigo pensando em você. Entenda melhor como evitar os vícios que, com o tempo, poderão causar danos ao veículo.

Dirigir carros automáticos e automatizados dá no mesmo?

Na prática, não importa se o câmbio é automático ou automatizado. A forma de engate da alavanca de câmbio é similar, o que muda são os comandos e a dinâmica dentro da caixa de marcha.

Para ajudar você a dirigir carros automáticos ou automatizados com mais segurança, veja o que cada letra na alavanca de câmbio significa:

O significado de cada letra no câmbio automático

  • N (NEUTRO): o equivalente ao ponto morto nos veículos com câmbio manual. Com esta posição engatada, o carro fica parado e não se movimenta caso o pedal do acelerador seja acionado. Para que o veículo permaneça na posição, você deverá acionar o freio de mão. Esta precaução é especialmente importante em vias com algum tipo de inclinação;
  • D (DRIVE): como o nome já sugere, ao posicionar o câmbio nesta posição, o carro se movimenta. Como não existe pedal de embreagem, mesmo sem pisar no acelerador, ao engatar a posição D você fará com o que o carro entre imediatamente em movimento. Portanto, muita atenção: antes de colocar a alavanca em D, esteja com o pé no pedal do freio;
  • P (PARKING): já na posição P, você deixará o carro parado e travado na posição. Esta marcha faz com que as rodas sejam travadas. Impede-se o carro de se movimentar, mesmo em aclives. Também mantém o carro parado mesmo ao pisar no acelerador;
  • R (MARCHA À RÉ): o cuidado de pisar no pedal do freio antes de engatar a posição D deve ser repetido aqui. Caso o motorista desatento não observe esta medida, vai fazer com que o veículo ande para trás de forma acidental.
  • 1 e 2: em caso de haver necessidade de impor mais torque, estas posições (só encontradas em câmbios 100% automáticos) imobilizam a troca de marchas. São usadas, portanto, ao subir aclives acentuados, quando o motor é mais exigido. Nestas posições a marcha não muda com o movimento do carro. Ao terminar de subir a ladeira, retorne à posição D.

Os vícios de direção

Sabendo quais são as funções de cada posição no câmbio, fica mais fácil evitar os vícios. Um deles, por exemplo, é engatar a posição N enquanto o carro se movimenta. Quem comete este erro pode achar que assim o carro economiza combustível, o que é um tremendo engano.

Quando se está rodando num carro automático e engata-se a posição N, acontecem dois problemas graves. O primeiro é que o carro perde a ação do freio motor, tornando-se perigosamente instável e mais difícil de ser parado.

Outro problema é que o câmbio poderá ser seriamente danificado. Com a posição N, perde-se a lubrificação feita quando se está em D. Assim, todos os componentes e engrenagens do câmbio automático podem ser irremediavelmente avariados. E o conserto de um câmbio automático, como se sabe, não sai nada barato.

Passo a passo para não errar na direção

A primeira verificação a ser feita logo ao entrar e depois de afivelar o cinto é conferir se o câmbio está em P. Se não estiver, o carro não vai ligar ao girar a chave.

Em seguida, pise no freio e dê a partida. Ignore a vontade de usar a perna esquerda, dobrando-a de maneira a manter o pé afastado dos pedais de freio e acelerador.

O próximo passo é, com o pé ainda no freio, engatar a posição D ou R, caso vá utilizar a marcha à ré. Se você estiver estacionando, não é preciso acelerar, a não ser que esteja em solo inclinado.

Com o carro em movimento, os únicos pedais com que você terá que se preocupar são o de frenagem e aceleração. Aproveite todo o conforto que dirigir carros automáticos proporciona e use sempre o cinto de segurança!