O que verificar antes de fechar um contrato de TV por assinatura

Antes de fechar o seu novo contrato de TV por assinatura, veja alguns cuidados básicos que precisa ter para não se tornar refém da operadora.

Vai fazer um novo contrato de TV por assinatura? Assim como qualquer outro tipo de contrato de prestação de serviço, é preciso estar atento a todas as cláusulas, linhas e notas de rodapé. Veja alguns cuidados que precisa tomar antes de assinar.

Feche o contrato de TV por assinatura com os olhos bem abertos

Na verdade, não existe grande segredo para fugir de problemas com as TVs por assinatura. O cliente deve cercar-se de cuidados e, nem por um instante, deixar-se levar na conversa de atendentes ou técnicos.

Antes de fechar o contrato de TV por assinatura, preste bastante atenção nestes 5 pontos que selecionamos. Eles com certeza te livrarão de uma roubada:

1. Cuidado com detalhes técnicos

As TVs por assinatura estão cada vez mais tecnológicas, mas ainda não chegam em todos os lugares. Para evitar que bata a cabeça na parede com um sinal que cai a toda hora, verifique antes se o local onde mora tem estrutura que suporte a operadora escolhida.

Vale fazer uma pesquisa entre os vizinhos também para saber como anda o serviço da empresa que pretende contratar. Você pode ainda solicitar que sejam feitos testes antes da instalação. Essa é uma forma ainda mais certeira de saber se foi uma escolha acertada.

2. Esteja atento ao contrato

Fale a verdade: você detesta contratos e pula direto para a parte em que tem que assinar. Na prestação de qualquer serviço, inclusive das TVs por assinatura isso é um erro crasso.

Se estiver ali descrita alguma situação abusiva ou que prejudique o seu direito de consumidor, será tomada como verdadeira e ainda terá o seu aval. “Perca tempo” lendo todas as letrinhas miúdas e certifique-se que entendeu cada cláusula. Esse é um passo importante para evitar contratempos.

Contrato de fidelidade de TV a cabo é legal? Entenda

3. Pode tratar tudo pelo telefone, mas sem descuidar

Os contatos telefônicos facilitam a nossa vida na hora de contratar serviços. Nas TVs por assinatura é preciso um cuidado redobrado.

Você pode se distrair e não receber toda a informação que precisa ou ainda pensar que está contratando um pacote e receber outro completamente diferente.

Para evitar qualquer “falha na comunicação” ou algum uso de má fé por parte da operadora, se for o caso, peça sempre o número do protocolo da chamada. Solicite também o envio imediato do contrato por escrito e veja se realmente contém aquilo que ficou acertado.

4. Não aceite cobrança de mensalidade pelo ponto adicional

De acordo com as definições legais, as TVs por assinatura não podem cobrar mensalidade pelo ponto adicional, apesar de muitos clientes já terem denunciado que foram sujeitos a isso.

É permitido a cobrança de taxa pelo equipamento e instalação, mas nenhum outro valor a mais. Se vai solicitar esse serviço, tire todas as suas dúvidas sobre a política da empresa e desconfie de qualquer tarifa aplicada fora do que já foi relacionado.

É permitido cobrar ponto adicional da TV a cabo? Entenda

5. Fidelização não é para todos

Uma das maiores pegadinhas dos contratos das TVs por assinatura são as fidelizações. Há quem ache que é impossível contratar qualquer serviço sem estar sujeito a elas, mas as empresas têm a obrigação de oferecem um pacote sem essa opção. O consumidor deve atentar também que esse prazo de fidelização não deve ser maior que 1 ano, tornando-se ilegal depois disso.

Continuar a ler

Na Web

você pode gostar também

Comentários

Loading...