Comprar carros usados baratos de confiança

O que você precisa saber para comprar carros usados baratos de confiança e evitar cair nas armadilhas que revendedores não idôneos podem preparar

Comprar carros usados baratos de confiança é o objetivo de quem procura por veículos baratos e com ótimo custo benefício. Trata-se de comprar mais, pelo menor valor possível, mas para garantir o sucesso da busca, são necessários cuidados extras. Diferentemente de comprar um carro novo, que apresenta garantia de fábrica, com um usado a avaliação precisa ser minuciosa.

5 carros baratos usados e bons por até R$ 15 mil

O que avaliar ao comprar carros usados baratos de confiança?

Dependendo de onde o veículo seja comprado, comprar carros usados baratos de confiança envolve cuidados não apenas com o estado de conservação, mas com a procedência. Há revendedoras com ótima reputação no mercado, mas há aquelas que não contam com tanto prestígio.

Existe ainda a possibilidade de arrematar carros em leilões, e, nesse caso, as condições são bastante peculiares. Portanto, fique atento às nossas dicas, e evite surpresas desagradáveis ao comprar carro usado.

Estado de conservação do veículo

O primeiro aspecto a ser avaliado na compra de um carro que já teve dono é o seu estado de conservação. Lataria e pintura, por serem mais aparentes, são os primeiros quesitos a serem avaliados. Observe se a pintura não apresenta arranhões, se o verniz está uniforme e se a cor realmente corresponde ao que consta no documento do veículo.

A lataria deve receber especial atenção. Confira possíveis “podres” nas partes mais baixas, que são pontos em que aparece ferrugem. Também é importante avaliar se os vincos e as linhas do carro estão bem pronunciadas, como se tivessem sido passadas a ferro.

Quando os vincos estão irregulares ou pouco pronunciados, é certo que a lataria foi mexida, e que aquele ponto recebeu retoques e massa. Não menos importante, conte sempre com a ajuda de um profissional para inspecionar o funcionamento do veículo. Motor, pneus, suspensão, velas, parte elétrica e outros componentes só podem ter seu bom estado confirmado por alguém com experiência no assunto.

Se o carro for arrematado em leilão, você deverá estar ciente de que o veículo não poderá ser devolvido ou serão aceitas reclamações. Leiloeiros só trabalham com carros no estado em que foram encontrados.

Como comprar um carro e fazer bom negócio

Não feche negócio nas primeiras ofertas

Ao comprar carros usados baratos de confiança, no caso, de particulares, é normal haver uma certa ansiedade. Parte dela é motivada pelo medo de perder uma possível boa oportunidade. Quando se trata de carros de segunda mão, a afoiteza é o pior inimigo do comprador. Primeiro, porque aumenta o risco de se fazer um mau negócio, e, não menos importante, potencializa a chance de comprar um carro “bomba relógio”. Carros usados podem ser deliberadamente preparados para enganar o comprador ansioso, revelando seus reais defeitos só algum tempo depois.

Sendo assim, é fundamental percorrer o maior número de revendedoras e ver o máximo de veículos quanto puder.

Faça sempre o test drive

Comprar um veículo e não fazer o test drive é uma temeridade. Isso porque é apenas dirigindo que você terá condições de avaliar o desempenho do veículo e se ele apresenta problemas mais graves. Além disso, só no test drive é possível escutar possíveis ruídos decorrentes de má conservação. Também no test drive se verificam problemas na suspensão e amortecimento, ou causados por falhas mecânicas.

Se a revendedora recusar o test drive, talvez seja até melhor você cancelar o negócio imediatamente. Afinal, quem não deve não teme. Procure por locais que adotem processos mais transparentes e estimulem boas práticas em relação ao consumidor.

Evite modelos que vendem pouco

Não é preciosismo, mas modelos com pouca saída geralmente ficam encalhados por apresentarem problemas de manutenção. Em geral suas peças são caras, difíceis de encontrar e com poucas oficinas dispostas a executar reparos.

Carros fora de linha e importados estão entre os veículos com baixa procura. É natural, portanto, que ele sejam vendidos a preços mais baixos, como forma de atrair compradores. Fuja deles, prefira carros com menor depreciação e manutenção mais fácil.

Desta forma, você não só assegura a compra de um veículo que vai atender suas necessidades, como também aumenta as chances de uma revenda com preço melhor ou pelo menos mais justo.

Rubik’s Cubes make a perfect gift for any occasion. Learn more about this amazing puzzle here.

Continuar a ler

Na Web

você pode gostar também

Comentários

Loading...