O que é e como funciona a análise de crédito

Entenda neste artigo a importância da análise de crédito e quais são as métricas utilizadas pelas instituições financeiras para avaliar os pedidos.

O dinheiro apertou e o jeito é recorrer a um empréstimo? Nesse caso, é essencial procurar o melhor local para fechar negócio e pesquisar os melhores juros para garantir que o orçamento doméstico não seja mais comprometido.

Antes de aprovar qualquer empréstimo as empresas fazem uma análise de crédito, que tem como objetivo garantir que o negócio seja vantajoso para todas as partes envolvidas.

Entenda neste artigo o que é e como funciona a análise de crédito.

O que é análise de crédito?

Com o objetivo de verificar a possibilidade de conceder crédito a uma pessoa física ou jurídica, a análise de crédito avalia a veracidade das informações prestadas pelo requerente e se suas condições de honrar os compromissos financeiros são reais. Isso serve para minimizar os riscos da operação financeira e garantir que o pagamento seja efetuado, afinal quem empresta a prazo deve ter de volta o capital investido acrescido de rentabilidade, caso contrário, não seria tão vantajosa a operação.

Por que é necessário fazer uma análise de crédito?

  • Reduzir a inadimplência é o principal motivo.
  • Para o credor, é mais seguro analisar os dados do requerente para ter uma garantia maior que irá receber o dinheiro de volta com os juros aplicados.
  • Para pessoas jurídicas ou físicas que solicitam o empréstimo, com a análise, é possível averiguar as reais condições do devedor honrar com o seu compromisso, evitando uma dívida maior.

Saiba como funciona o crédito pessoal no Banco do Brasil.

Quais são as métricas de análise de risco de crédito?

As instituições financeiras analisam os 5 Cs do crédito antes de decidir aprovar ou reprovar o pedido. Veja quais são eles: 

• Confiabilidade

São as medidas de confiabilidade que incluem em seu histórico de pagamento de crédito para outras instituições. Antes de qualquer liberação, é importante saber as referências de fornecedores atuais e passados e o caráter dos administradores da empresa.

 • Capacidade de pagamento

O candidato precisa comprovar que pode gerar receita o suficiente para pagar a dívida. Para as empresas, é necessário saber se o fluxo de caixa é consistente para fazer os pagamentos dentro dos prazos.

 • Condições econômicas

É preciso avaliar as tendências econômicas para saber das possibilidades de crescimento. Para as empresas, por exemplo, se as indústrias estão se expandindo rapidamente, isso pode ser um indicador de crédito bem sucedido. Caso contrário, não vale a pena.

 • Garantias

Eu tenho alguma garantia a oferecer? Os bancos vão considerar bens utilizáveis como garantia para o empréstimo. Coisas como equipamentos, imóveis, contas a receber, estoque disponível são consideradas como garantias. Eles podem funcionar como uma forma de reembolso.

• Capital

A pergunta é: você tem reservas suficientes para investir no seu negócio caso surjam problemas inesperados ou tempos difíceis? Isso é necessário saber para demonstrar se você ou a empresa tem solidez para pagar o empréstimo.

Por isso, faça uma análise pessoal antes de solicitar qualquer crédito. Veja as possibilidades e o melhor para você e/ou para a sua empresa.

Além da análise dos 5 Cs, as instituições financeiras também fazem consultas a empresas que analisam comportamento e perfil de dívidas e compras do consumidor. As mais conhecidas são o SPC, Serviço de Proteção ao Crédito e a Serasa Experian.

Essas empresas registram informações dos consumidores brasileiros, como dados pessoais, dívidas atrasadas, cheques protestados, entre outras. O objetivo dessas empresas é o mesmo, fornecer maior segurança para lojas, bancos e instituições financeiras na hora de venderem a prazo, emprestarem dinheiro ou fazerem um financiamento. 

Score de crédito

A Serasa Experian criou o score de crédito, que é a pontuação que você conquista ao longo da vida como consumidor. É o resultado do seu comportamento em relação a pagamentos, dívidas e empréstimos.

Como consultar seu score gratuitamente para conseguir empréstimo

A pontuação do score de crédito vai de 0 a 1.000 pontos, e a pontuação é gerada após análise de fatores como:

  • Pagamentos de contas em dia
  • Histórico de dívidas negativas
  • Relacionamento financeiro com empresas
  • Dados cadastrais atualizados

Ter um score elevado aumenta suas chances de conseguir melhores condições para empréstimos, negociações de dívidas e financiamentos. A pontuação funciona mais ou menos da seguinte forma:

  • Até 300 pontos existe um alto risco de inadimplência
  • Entre 300 e 700 pontos entre médio e baixo risco
  • Acima de 700 pontos o risco é considerado baixo

Caso precise de um financiamento, empréstimo ou algum outro tipo de serviço que é necessário análise de crédito, procure aumentar sua nota no score de crédito e consiga melhores condições.

Continuar a ler

Na Web

você pode gostar também

Comentários

Loading...